CONTROLE DE CARRAPATOS

Ciclo de Vida: Não possuem metamorfose completa (ovo, larva, ninfa e adulto).

Ovos – Fazem a postura dos ovos, até 5.000, procurando lugares como, embaixo do tapete, nas bordas do tapete, nas junções do assoalho ou das paredes com o piso. Depois de várias semanas os ovos eclodem.

Larva – Após a eclosão dos ovos, as larvas, ficam na parte baixa das paredes (junto aos rodapés) aguardando (podem ficar meses esperando, sem se alimentar) a passagem de uma vítima (cão, por exemplo). Geralmente ficam nos pêlos longos do dorso ou em volta do pescoço, se alimentando por 4 dias, quando se soltam do cão e caem no chão.

Ninfa – Após 3 semanas, as larvas transformam-se em ninfas, que sobem nas paredes (ou em móveis) para aguardar uma vítima para se alimentarem. As ninfas podem apresentar 3 pares de pernas (confundindo com um inseto), mas após o último estágio o adulto terá 4 pernas (como as aranhas).

Adulto – pode ficar até um ano sem se alimentar.

Doenças transmissíveis:

Os danos causados aos animais são determinados pela perda de sangue (causando anemia) e transmissão de doenças; para o homem, os carrapatos são responsáveis pelo incômodo, dermatites e lesões decorrentes das picadas, mas principalmente por serem vetores de patógenos (protozoários, vírus e bactérias). Algumas espécies são muito perigosas para o homem, pois possui em sua saliva uma toxina capaz de provocar paralisia e até a morte.

Atendimento Rápido!



ou pela Central de Atendimento:
0800 704 1528

Atendimento Rápido!



ou pela Central de Atendimento:
0800 704 1528

Aos animais:

  • Dermatoses – inflamação, prurido, edema e ulceração no local da picada;
  • Perda de sangue – condição séria com desenvolvimento de anemia nos animais fortemente infestados;
  • Otocaríase – infestação do canal auditivo, com possíveis infecções secundárias;
  • Toxemia e Paralisias – causadas pela inoculação de saliva tóxica nos vertebrados;
  • Infecções – babesioses, riquetsioses, borrelioses, bacterioses, viroses, dentre outras.

Ao homem:

  • Vírus – febre hemorrágica e encefalites;
  • Bactérias – bacilos Gram-negativos (tularemia), erlíquias (erliquiose monocítica e erliquiose granulocítica), riquétsias
  • (febres maculosas) e borrélias (doença de Lyme, febre recorrente transmitida por carrapatos);
  • Protozoários – babesiose.

CONDIÇÕES DE EXECUÇÃO

  • Os técnicos devem estar acompanhados por uma pessoa responsável durante toda a execução do serviço;
  • A Bio Control não se responsabiliza por doenças que venham a ser adquiridas pelos animais domésticos durante a vigência da garantia deste serviço;
  • É recomendável que os animais domésticos tenham acompanhamento de Médico Veterinário;
  • Caso haja necessidade de higienização no local de aplicação, deverá ser feita com panos seco e vassouras, com no mínimo 24 horas após a aplicação.
  • Não é recomendável usar água e outros produtos de limpeza, durante 72h;
  • É necessário que durante a execução do serviço, não circulem pelas áreas: crianças, gestantes, animais domésticos e pessoas alérgicas, retornando 24 horas após a execução.
  • Pessoas e animais que não se incluam no grupo acima podem retornar de 03 à 04 horas após a execução dos serviços;
  • Todos os ambientes devem estar abertos para a livre movimentação dos técnicos;
  • Caso nossas recomendações não sejam seguidas este serviço perderá o acompanhamento técnico.

MEDIDAS PREVENTIVAS

  • Lavar com freqüência os abrigos de animais domésticos, passando desinfetante após a lavagem;
  • Vistoriar com freqüência os animais domésticos, principalmente quando estiverem inquietos e com muita coceira;
  • Vedar frestas e buracos em pisos e paredes, principalmente, quando localizados nos abrigos de animais domésticos;
  • Manter aparada a vegetação de jardins e quintais, não permitindo o crescimento de capim próximo às residências.

Conheça nossos serviços

Embora a maioria das consultas ao tema sejam demandadas por conta dos cães de estimação, ou em percentual bem menor, para tratamento de haras, chácaras e sítios, vamos propor de inicio a você que pense em outras possibilidades além do combate aos carrapatos nos cães e nos cavalos.

BIOCONTROL - Controle de Pragas

Em 2002 quando iniciamos nossas atividades, existia uma forte concorrência no mercado de controle de pragas ou “dedetizadoras em Salvador” como todos conhecem. A Bio Control surgiu através da experiência profissional do Biólogo Luiz Oliveira, depois de ter atuado 17 anos no mesmo segmento de mercado no Rio de Janeiro.

Nestes 14 anos de atuação a Bio Control tem alcançado resultados expressivos e o reconhecimento do mercado da Bahia como empresa de “Controle de Pragas” que tem ética em seus relacionamentos tanto como com seus clientes, colaboradores e fornecedores. Temos em torno de 15.000 clientes cadastrados, sendo destes quase 7.000 que executaram serviços conosco.

Em 2011 a Bio Control se engajou em um inovador projeto, cujo objetivo era expandir sua atuação em âmbito nacional, mantendo-se o compromisso com um nível de qualidade superior na prestação de serviços.

A partir de agora, a Bio Control se torna uma empresa da Rede Uniprag e passa a se chamar Bio Control Uniprag, de modo que ampliou em nível nacional a sua área de abrangência.
Acesse: www.uniprag.com.br

Pensamos globalmente e atendemos elevados níveis de exigência através de um rigoroso processo de Gestão da Qualidade certificado pela norma NBR ISO 9001:2015, que garante a uniformização de nossos processos e procedimentos, mas agimos localmente, o que nos dá significativa agilidade e permite personalizar nossos atendimentos, compreendendo e solucionando as diferentes demandas regionais.

Pin It on Pinterest